Bahia

Após 10 anos, pescadores do Recôncavo vão receber indenização da Petrobras

Trabalhadores da pesca que foram prejudicados com o vazamento de óleo na Praia do Caíque de Baixo, em São Francisco do Conde, no Recôncavo, serão indenizados. O caso, que já dura 10 anos, ocorreu após vazamento em um dos dutos que ligam as instalações da Refinaria Landulpho Alves ao Terminal de Madre de Deus.

A Defensoria Pública da Bahia faz um mutirão em Santo Amaro para entregar as permissões aos pescadores. Otrabalho de entrega ocorreu em São Francisco do Conde. Além de pessoas das duas cidades. pescadores de Madre de Deus e Candeias vão ser indenizados.

Um acordo entre a Federação de Pescadores e Aquicultores do Estado da Bahia [Fepesba] e a Petrobras estabeleceu os valores pagos a 6.644 pescadores. Do total, 1.598 pescadores vão receber R$ 18.981,31, cada um, e 5.046 vão resgatar R$ 3.247,15, cada um também

Conforme a 3ª Vara Civel da Comarca de Salvador, que homologou a convenção, o pagamento será feito “mediante alvará expedido de foram individualizada a cada pescador beneficiário”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

leia também

%d blogueiros gostam disto: