Santo Amaro

Festa da Purificação em Santo Amaro tem como tema “O Carnaval começa aqui

A tradicional Festa da Purificação volta a acontecer, após 2 anos sem ser realizada por causa da pandemia de Covid-19. A festa teve início neste domingo (22) e segue até o dia 2 de fevereiro.

Neste período, a parte religiosa, as novenas, ocorre na Igreja Matriz, em homenagem tanto à Nossa Senhora da Purificação, quanto ao padroeiro da cidade, Nosso Senhor Santo Amaro.

Foto: Ascom

Para os próximos dias, a prefeitura de Santo Amaro preparou uma programação toda especial através da Secretaria de Cultura, Turismo Esporte e Lazer, com a realização de diversos shows e inúmeras apresentações culturais.

Mais de 60 atrações (entre nacionais e locais) vão se apresentar nos palcos que serão montados na Praça da Purificação, bem no coração da cidade, além de trios e blocos alternativos e do coreto elétrico itinerante.

LAVAGEM

Um dos momentos mais aguardados da festa é a lavagem, que sempre ocorre no último domingo de janeiro. Durante o cortejo, inúmeras baianas vestem-se de branco, enquanto muitos outros participantes optam também por estampas coloridas.

Animados por uma charanga, eles percorrem as principais ruas da cidade com flores nas mãos e vasos com águas de cheiros até chegarem à principal igreja da cidade, onde lavam a escadaria. Em seguida, também lavam a cabeça como forma de pedir proteção durante o ano que se inicia.

Esta é a primeira edição da festa realizada pela prefeita de Santo Amaro, Alessandra Gomes. Antes dela, nenhuma outra mulher comandou o poder executivo municipal.

“Infelizmente, a pandemia impediu que a gente realizasse nos dois anos anteriores, mas 2023 chegou e toda a estrutura do governo está empenhada para fazer a melhor festa da purificação de todos os tempos com segurança, responsabilidade e muita paz”, afirmou a prefeita.

SEGURANÇA

Para isso, ela assegura que o evento é realizado em parceria com o Governo do Estado, com o apoio da Polícia Militar, Corpo de Bombeiro, Vigilância Municipal e todas as secretarias da administração municipal.

O secretário de Cultura e Turismo afirmou que o evento vai trazer um ganho econômico inigualável. “Tanto é assim que os hotéis da cidade já estão, em sua maioria, como período bloqueado, o comércio local está reforçando os estoques, além dos vendedores ambulantes que foram cadastrados para obterem passe de comercializarem durante a festa para obterem renda extra além da geração grande de empregos temporários neste período. Então, será uma grande festa”, afirmou Moysés Neto.

De acordo com o secretário, a programação completa de um dos mais tradicionais festejos do interior da Bahia, será disponibilizada em breve através do site oficial e das redes sociais da Prefeitura.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

leia também

%d blogueiros gostam disto: