Mundo

Pastor evangélico morre por coronavírus no Chile após culto com 300 pessoas

Um pastor evangélico morreu no Chile de coronavírus após ter conduzido, no final de março, um culto reunindo centenas de pessoas em uma cidade perto de Santiago, em meio a fortes críticas aos pastores protestantes que pedem a manutenção das cerimônias

Mario Salfate, 67 anos, morreu na terça-feira (14) no hospital de Los Andes, onde foi internado em 23 de março “após ser confirmado portador de Covid-19”, informou a instituição médica em comunicado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

leia também

%d blogueiros gostam disto: